Ouça agora na Rádio

Ouça agora

Com cheques falsos em nome de Laticínio criminosos aplicam golpes em Juína

Postado em 15/07/2021 por

Compartilhe agora.

Diversos golpes aplicado nos últimos dias tem assustados e feito vítimas na cidades de Juína e Castanheira na última semana, sendo registrados vários boletins de ocorrências na delegacia de polícia, com os mais variados tipos de golpes.

O último registro de boletim de ocorrências, se deu por parte da empresa LATICÍNIOS CASTERLEITE LTDA EPP, a Casterleite da cidade de Castanheira, que teve o CNPJ usado por uma pessoa para emissão de cheques falsos do banco Bradesco e Caixa Econômica Federal, inclusive um golpe foi aplicado em Cuiabá.

Preocupado com a idoneidade da empresa, o proprietário, Lenoir Maria registrou boletim de ocorrências e relatou duas situações ocorridas, uma no dia 06 de julho em Cuiabá numa empresa de pré-moldados, que ao receber um cheque de uma pessoa desconhecida desconfiou da numeração do CNPJ da empresa, e resolveu entrar em contato com o proprietário que mora na cidade de Castanheira, e informou que estava de posse de um cheque da caixa econômica federal com o nome de sua empresa.

Ao conversar com o proprietário do laticínio, o responsável pela empresa de pré-moldados da cidade de Cuiabá descobriu que se tratava de um golpe, pois o empresário de Castanheira confirmou não ter contas bancarias junto a caixa econômica federal e orientou a equipe da empresa de pré-moldados a registrar um boletim de ocorrências.

Outro caso, esse bem mais recente aconteceu no dia 12 deste mês na cidade de Juína, e novamente um gerente de supermercados entrou em contato com o proprietário do laticínio da cidade de Castanheira, informando que um senhor havia feito uma compra no estabelecimento no valor de R$ 1.860.00, e pagou com um cheque da agência do banco Bradesco em nome do laticínio, sendo que mais uma vez o proprietário do laticínio desmentiu os fatos e registrou um novo boletim de ocorrências, dessa vez com uso de imagens de câmeras de uma pessoa que estava de posse do cheque.

Um outro estabelecimento da cidade de Juína também recebeu um falso cheque em nome do laticínio de Castanheira, fato que levou o proprietário a registrar mais um boletim de ocorrências como forma de prevenção e alerta para os comerciantes da região.

De acordo com informações levantadas, um laticínio da cidade de Juara também foi vítima de bandidos nos últimos dias com a mesma modalidade de golpe que ocorreu com o laticínio da cidade de Castanheira.

A empresa de laticínios emitiu várias notas em redes sociais onde fez alertas explicando não possuir contas nem no Bradesco e tão pouco na caixa econômica federal, e pediu para que os comerciantes fiquem atentos para o caso de recebimento de cheque falsos com o nome de sua empresa, que trabalha com contas somente em duas cooperativas de créditos.

A polícia civil vai investigar mais este golpe na praça.

Deixe um comentario

Estamos felizes por você ter optado por deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de comentários.