Ouça agora na Rádio

Ouça agora

Força de Segurança chega hoje em MT para somar no combate ao fogo resistente

Postado em 23/09/2020 por

Compartilhe agora.

Força Nacional de Segurança Pública (FNSP) chega hoje (23) em Mato Grosso, para somar no combate ao fogo inclusive no Pantanal, onde a situação é mais drástica, embora tenha amenizado em 52%, com as últimas chuvas, dias 19 e 20. A informação é do tenente coronel Dércio, porta-voz do Corpo de Bombeiros, em Poconé (a 103 km de Cuiabá), porta de entrada do Pantanal de Mato Grosso. Segundo ele, apesar da trégua climática, a seca persiste em diversos pontos, como no sul do Pantanal, por exemplo, onde não choveu.

Da Força de Segurança, desembarcam mais 43 militares, além de 10 viaturas, 2 micro-ônibus e 1 helicóptero, autorizados pela portaria 534/2020, assinada pelo ministro André Mendonça, que, de acordo com a Agência Brasil, atende a pedido feito pelo governador Mauro Mendes (DEM). A portaria foi publicada hoje no Diário Oficial da União.

Tenente coronel Dércio informa que mais de 40 equipes da corporação estão em campo e, no momento, a estrutura de combate ao fogo é “bastante expressiva”. “Só no Pantanal são mais de 176 brigadistas e 28 bombeiros”. Segundo ele, enfrentam várias dificuldades de ordem climatológica, de acesso, topográficas e outras. “A maior dificuldade do Pantanal são os acessos, que não oferecem condições de combate direto ao fogo, então temos que partir para o combate indireto. Aceiro por máquinas, uso do contrafogo em alguns casos, além dos fatores climatológicos que todos já conhecem, temperatura de 43 graus, a umidade relativa chegando a 8%, ventos fortes chegando a mais de 8 km por hora”.

Ele destaca ainda que a principal dificuldade no combate ao fogo é, sobretudo, “o homem”, já que está comprovada a causa intencional de maior parte desses incêndios.

Deixe um comentario

Estamos felizes por você ter optado por deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de comentários.