Ouça agora na Rádio

Ouça agora

Jorginho celebra vitória, mas vê jogo ruim do Cuiabá e diz que vai cobrar jogadores

Postado em 22/07/2021 por

Compartilhe agora.

Otécnico Jorginho afirmou que não gostou da atuação do Cuiabá mesmo com a vitória sobre o Atlético-GO por 2 a 1, nesta quarta (21), na Arena Pantanal, pela terceira rodada do Brasileirão. O treinador disse que o desempenho do Dourado poderia ter sido melhor, sem a necessidade de sofrer jogando com um a mais em campo desde o início da partida. O professor também avaliou a atuação do trio de arbitragem.

“A gente sabe que não foi um grande jogo, tecnicamente falando, mas foi uma situação em termo de superação. Não poderíamos ter tomado gol de empate de jeito nenhum, não pode levar gol com quatro, cinco jogadores atrás do último homem deles de ataque. É uma coisa que a gente vai estar cobrando muito deles, mas o importante é a vitória e sair da zona do rebaixamento”, disse Jorginho.

Questionado sobre os bons resultados sob o seu comando, Jorginho fez questão de citar sua experiência como jogador e também como técnico. Segundo ele, o seu aprendizado de vida é um dos fatores que toca na vida dos jogadores, uma vez que contribui para conquistarem ótimos desempenhos nos gramados.

“A minha experiência de vida como jogador e mais 16 anos de treinador, não tenho dúvida de que toca no coração do atleta, pois a gente organiza muito bem o trabalho, eu achava que nossa equipe pisava muito pouco na área, então é muito bom ver o Pepê fazendo gol, finalizando, além de termos várias outras oportunidades no jogo. Eu percebi que nossa equipe faltava esse equilíbrio, onde construía, mas não tinha profundidade, mas agora tenho percebido que estamos mais equilibrados e temos mais potencialidade de jogo”, frisou.

Confiança

Mesmo com as pontuações negativas sobre este jogo, Jorginho diz estar feliz com o momento de confiança da equipe do Dourado. O professor celebra a saída da zona do rebaixamento e almeja não voltar mais para o Z-4 do Brasileirão.

“Ficamos felizes com o resultado, pois saímos da zona do rebaixamento, mas é algo que temos que pensar com calma em tudo o que aconteceu. Nós não fizemos uma grande partida e precisamos corrigir erros fatais. Espero não voltarmos à zona da degola do Brasileiro. Estamos no bom caminho, precisamos melhorar e ter foco, além de mais posse de bola, ainda mais diante de um adversário com um jogador a menos. O que a gente precisa realmente é acreditar”, afirmou.

Polêmicas com VAR

A reportagem do  pediu ao treinador que avaliasse a atuação do trio de arbitragem do duelo, o qual recebeu muitas críticas e promoveu uma série de reclamações dos jogadores do Atlético-GO após decisões tomadas em campo. Jorginho reclamou da demora da revisão na cabine do VAR, que segundo ele, faz com que os atletas alterem os ânimos e resulta na pressão em cima do árbitro.

“Todo mundo viu que não foi impedimento, os dois bandeirinhas foram muito infelizes em marcar nos dois gols do Cuiabá”

Técnico Jorginho

“Às vezes é até uma falta de respeito tanto nossa como também dos jogadores, porque temos que entender que eles têm uma recomendação para que possam revisar o VAR. A única coisa é que está demorando demais essa revisão, e isso leva os jogadores a ficarem nervosos. Todo mundo viu que não foi impedimento, mas os dois bandeirinhas foram muito infelizes em anular os dois gols do Cuiabá. Mesmo com o VAR, a gente vê que há erro humano em campo e temos que entender. A minha cobrança em cima dos atletas era justamente evitar cartões amarelos em meus jogadores por reclamação”, concluiu.

O próximo compromisso do Cuiabá na Série A do Brasileiro será contra o Corinthians, na segunda (26), às 20h (de Brasília), na Arena Pantanal. O jogo é válido pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Deixe um comentario

Estamos felizes por você ter optado por deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de comentários.