Ouça agora na Rádio

Ouça agora

Mulher é sequestrada e estuprada por 2 dias pelo ex-marido em distrito do PA

Postado em 12/04/2021 por

Compartilhe agora.

Um homem de 58 anos (não identificado) foi preso e autuado em flagrante depois de sequestrar e manter a ex-companheira, de 36, em cárcere privado por quase dois dias em um distrito do Pará. Durante o período em que esteve presa, a mulher foi vítima constante de abusos. A prisão ocorrem ontem (9).

Conforme o delegado de Vila Rica, José Ramon Leite, o casal viveu junto por cerca de três anos em Rondolândia, Noroeste de Mato Grosso. A mulher era constantemente humilhada, agredida e ameaçada pelo companheiro durante o período da união matrimonial.

No ano passado, já no final do relacionamento, a vítima registrou boletim de ocorrência contra o suspeito e pediu medidas protetivas. Ele foi preso na época e ameaçou uma investigadora de Rondolândia, que atendeu a ocorrência. Porém, depois de aproximadamente cinco meses preso, ele foi solto pela Justiça.

A vítima se mudou para Vila Rica e o ex-companheiro acabou vindo ao município à sua procura. Na quarta (7), a mulher foi atraída por ele por uma mensagem enviada pela rede social. Ao chegar no local indicado, ela se deparou com o agressor, quando descobriu então que o suspeito não estava mais preso. 

Ela foi rendida e obrigada a entrar no veículo do suspeito e levada para uma localidade chamada Vila Mandi, no distrito de Santana do Araguaia, no Pará. Ali, foi mantida em cárcere privado, sendo abusada sexualmente até o início da noite de sexta (8), quando ele resolveu leva-lá de volta para Vila Rica.

Durante essas datas, a Delegacia de Vila Rica já havia sido comunicada sobre o desaparecimento da vítima e várias diligências foram realizadas para localizá-la. Logo que a vítima apareceu, os policiais civis conseguiram informações precisas do veículo usado pelo suspeito, bem como descobriram que ele havia seguido o itinerário com destino a Santa Terezinha.

A equipe se deslocou até Santa Terezinha e, com apoio dos policiais civis da cidade, conseguiu localizar e prender o suspeito.

Ele foi conduzido até à unidade policial, interrogado pelo delegado José Ramon Leite e autuado em flagrante pelos crimes de violação de medidas protetivas, sequestro para fins libidinosos e estupro. Após a confecção dos autos, o preso foi encaminhado para a unidade prisional do município e colocado à disposição do Poder Judiciário.

Deixe um comentario

Estamos felizes por você ter optado por deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de comentários.