Ouça agora na Rádio

Ouça agora

Polícia Civil prende homem que atirou no rosto do colega de trabalho em Juína

Postado em 23/03/2021 por

Compartilhe agora.

A polícia judiciária civil da cidade de Juína/MT cumpriu no sábado, um mandado de prisão em desfavor de um homem, de 34 anos, que atirou no rosto de seu colega de trabalho em 2009, dentro de uma empresa sendo divulgado na época pelo site Juína News.

No ano do crime vítima e acusado trabalhavam na mesma empresa, entre os dois haviam algumas desavenças que se arrastavam por um tempo, a situação evoluiu até chegar a tentativa de homicídio, onde após um novo desentendimento, Vanor Joaquim Gomes de Melo, se apossou de uma arma de fogo e efetuou um disparo no rosto de seu colega de trabalho atingindo um dos olhos.

O rapaz ainda correu e conseguiu aguardar por socorro dentro de uma caminhonete que estava no barracão da empresa.

Quando a polícia militar foi acionada e chegou no local um dos policiais militares na época o cabo PM J. Ribeiro localizou a vítima, e ao perceber que ela ainda tinha sinais vitais a retirou do veículo entregando imediatamente para a equipe médica.

A vítima, sobreviveu a tentativa de homicídio, porém acabou perdendo um de seus olhos e até hoje vem sofrendo com as consequências de perder parte de sua visão.

Vanor foi julgado e condenado a 10 anos de prisão por crime de tentativa de homicídio, o ano passado por ordem judicial chegou a ser preso pela polícia civil, mas dias depois ganhou liberdade e passou a cumprir pena domiciliar, mas novamente a justiça decretou sua prisão que deverá ser cumprida no regime fechado no CDP, de Juína.

Deixe um comentario

Estamos felizes por você ter optado por deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de comentários.